10-PACIÊNCIA

FAZER A VIDA AMÁVEL

10. PACIÊNCIA

Amor e paciência

Santo Tomás de Aquino, com muito poucas palavras, diz uma grande verdade: «Só o amor é causa da paciência» (Suma teológica, 2-2,q. 136,3).

O santo doutor tem presente o que escrevia São Paulo: A caridade – ou seja, o amor cristão – é paciente (1Cor 13,4).  Talvez você se lembre de que o Apóstolo, nesse capítulo treze da primeira carta aos Coríntios, enumera as qualidades do amor ao próximo, e menciona em primeiro lugar, encabeçando todas as outras, a paciência. Continue reading “10-PACIÊNCIA”

9-OTIMISMO

FAZER A VIDA AMÁVEL

9. OTIMISMO

Verdadeiros e falsos realismos 

Uma das coisas menos agradáveis que há neste mundo é conviver ou trabalhar com uma pessoa pessimista: “Não vai dar!” “Não te falei?” “Está vendo?” “Não acredite…” “Todos querem se aproveitar”… A presença do pessimista estende asas de urubu sobre todos os que o cercam.

Mas também não é boa a figura do otimista superficial, comparável à “bexiga colorida de festa de aniversário”, colorida e efêmera. Diz coisas positivas, lança chavões de ânimo, mas tudo é vazio: “Não ligue para isso…” (quando é perigo que é preciso enfrentar), “Deixe, vai dar certo” (como?), “Deus é brasileiro” (sim, Ele abençoa sem dúvida o Brasil, mas nunca abençoa a preguiça)… Esse otimismo é uma bexiga furada. Continue reading “9-OTIMISMO”

8-GENEROSIDADE

FAZER A VIDA AMÁVEL

8. GENEROSIDADE 

Coração no poço ou na mão? 

Vamos refletir sobre a generosidade, uma das virtudes que mais contribuem para “fazer a vida amável” aos outros, e que tem duas definições: a técnica: «É a virtude daquele que se dispõe a sacrificar os seus próprios interesses em benefício dos outros»; e a de Cristo: «Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida por seus amigos» (Jn 15, 13).

Falar da generosidade é muito bonito, mas praticá-la não é fácil. Para isso, é preciso vencer a tendência egoísta de viver voltados para nós mesmos, mergulhados no poço do “eu”, onde o amor se afoga. Continue reading “8-GENEROSIDADE”

7-ESPÍRITO DE SERVIÇO

FAZER A VIDA AMÁVEL

7. ESPÍRITO DE SERVIÇO

Para sermos felizes

Se compreenderdes essas coisas, sereis felizes, sob a condição de as praticardes

Quem  disse estas palavras? Jesus Cristo (Jn 13,17).

─ Quando? Logo pós lavar os pés aos apóstolos na Última Ceia.

─ E quais são “essas coisas” que Ele nos anima a compreender? São a humildade e o amor que entram em ação quando servimos os demais.

Compreendeis o que eu vos fiz? – perguntou-lhes Jesus, depois do lava-pés −. Vós me chamais Mestre e Senhor, e dizeis bem, porque eu o sou. Logo, se eu, vosso Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar-vos os pés uns aos outros. Dei-vos o exemplo, para que, como eu vos fiz, assim façais também vós [...]. Se compreenderdes essas coisas, sereis felizes, sob a condição de as praticardes (Jn 13, 12-15). Continue reading “7-ESPÍRITO DE SERVIÇO”

6-O CUME DA MISERICÓRDIA

FAZER A VIDA AMÁVEL

6. O CUME DA MISERICÓRDIA

“Vivamente impressionados”

No final do Sermão da Montanha – compêndio da pregação de Cristo –, diz São Mateus que, quando Jesus acabou de falar, a multidão ficou vivamente impressionada com a sua doutrina (Mt 7,28). Continue reading “6-O CUME DA MISERICÓRDIA”

5-A MISERICÓRDIA

FAZER A VIDA AMÁVEL

5. MISERICÓRDIA: “PERDOAI-VOS UNS AOS OUTROS”

Uma balança mal equilibrada

Um bom amigo me dizia: “Adquiri o hábito de rezar todas as noites o comecinho do Salmo 51, e me faz muito bem:  Ó, Deus, tem piedade de mim, conforme a tua misericórdia; no teu grande amor, apaga o meu pecado. Lava-me de toda a minha culpa, e purifica-me do meu pecado”. Continue reading “5-A MISERICÓRDIA”

4-O SILÊNCIO

FAZER A VIDA AMÁVEL

4. O SILÊNCIO

Para fazer aos outros a vida amável, tão importante quanto a palavra cordial e o diálogo é o silêncio. A caridade para com o próximo exige saber calar. «Não abras a boca – diz um velho provérbio – senão quando estiveres certo de que as tuas palavras serão mais belas que o teu silêncio». Continue reading “4-O SILÊNCIO”

2-COMPREENDER E CORRIGIR

FAZER A VIDA AMÁVEL

2. COMPREENDER E CORRIGIR

Saber corrigir

Um dos aspectos mais nobres da compreensão é saber corrigir. Sim, isso mesmo: corrigir os erros dos outros com amor e com ânimo de ajudar é uma maneira excelente de compreender. Continue reading “2-COMPREENDER E CORRIGIR”

1-COMPREENSÃO

FAZER A VIDA AMÁVEL

 1- COMPREENSÃO

Compreensão em voz ativa

Como é agradável sentir-se compreendido: em casa, no trabalho, entre os amigos mais chegados. E como amargura a alma sofrer a incompreensão. Dói ouvir, repetidamente,  frases como estas: “Meu marido não me compreende”, “Lá em casa não me entendem”, “Meu chefe só vê defeitos, não reconhece o bom trabalho que eu faço”…

Na vida de todos – na sua e na minha – é inevitável que haja malentendidos e incompreensões…, provavelmente menos dos que imaginamos por causa da nossa suscetibilidade. Como é ruim passar a vida queixando-nos de que somos incompreendidos. É um “vitimismo” mórbido, infantil ou patológico, além de uma perda de tempo. Continue reading “1-COMPREENSÃO”

Atualização por e-mail

Cadastre-se e receba as novas publicações por e-mail

Qual é o seu e-mail?


abnegação aborto abuso sexual Add new tag agradecimento alegria amor arrependimento ateísmo autenticidade Bento XVI bioética bondade calúnia caridade caráter castidade compaixão compreensão Concílio confissão consciência constância contemplação coragem correção fraterna corrigir crise Cristo cruz células tronco círculos defeitos desculpar dificuldades direção espiritual discrição diálogo dor doutrina educação egoísmo Emaús entrega esperança espontaneidade Espírito Santo Estado estudantes Eucaristia Evangelho exame exame de consciência excomunhão exemplo família fidelidade filhos formação fortaleza generosidade gratidâo graça Guimarães Rosa hedonismo homilia humildade Igreja Igreja Católica infância espiritual inveja Irlanda Jesus Cristo João Paulo II justiça juízos temerários laicismo lei de Deus Leitura espiritual liberdade limitações literatura liturgia livros luta língua Madalena magnanimidade maledicência mandamentos mansidão martírio mediocridade meditação meditações mentira miericórdia misericórdia Missa moderação moral mortificação mídia Natal Nossa Senhora novena obediência Opus Dei oração Oração de petição oração vocal ordem orgulho otimismo paciência Paixão palavra palavras palestras palm Papa paz pecado pedofilia pelestras penitência perdão perseverança piedade Plano de vida pregação preguiça presença de Deus propósitos prudência pureza Páscoa quaresma razão Recife recolhimento reconciliação relativismo Responsabilidade Ressurreição Rosário sacerdote sacerdotes sacrifício Sacrário segredo seminaristas sentido da vida servir serviço sexo silêncio sinceridade sofrimento São Josemaria São Josemaria Escrivá São Pedro São Tomé temas palestras temas pregação temperança Temário Terço tibieza Tomé Trapistas Unidade de vida Vaticano II verdade vida espiritual Vida interior vida sobrenatural virtude virtudes Visitas Santíssimo vocação vontade Vontade de Deus